Google+ Followers

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

DEBATE DE ONTEM


Breves considerações sobre o debate dos candidatos a Presidência

Ontem assisti atentamente o debate dos candidatos à Presidência da República, promovido pela Rede Bandeirantes. Abaixo deixo minhas impressões sobre o mesmo.

- Plínio de Arruda Sampaio: Coitado, perdeu o bonde da história. Suas articulações me pareceram ultrapassadas, longe da realidade atual. Plínio foi um excelente deputado, um dos fundadores do PT, mas já está ultrapassado. Tentou em vão atacar Serra e Dilma e atenuou os ataques para Marina. Em certos momentos, causou até gargalhadas com seus pitacos. Acho que deveria se aposentar, largar o Psol que até agora não sabe porque lançou Plínio candidato. Reclamou o porque dos candidatos não fazerem perguntas para ele, acusando os candidatos de serem conservadores e atrasados. Deu pena.

- Marina Silva: Não atacou ninguém, procurou mostrar propostas um tanto radicais outras não, evitando criticar o governo atual, o qual fez parte. Não acrescentou nada de útil ao debate, apenas figurou.

- José Serra: No começo do debate, senti que ele estava meio tenso, depois foi se soltando, dando respostas concretas, apresentando plano de governo, sendo direto em suas colocações, denotando firmeza, e principalmente conhecimento de administração pública, enfatizando ações que serão tomadas, principalmente na área da saúde e educação. Sabia o que estava falando, principalmente pela sua experiência nestas áreas. No confronto direto não deu chances para Dilma. Sem dúvida nenhuma, saiu vencedor no debate.

- Dilma Rousseff: Para mim, o maior fiasco. Sem tele-prompter ela não sabe falar. Ficou perdida nas respostas, confusas na ordenação do pensamento. Completamente despreparada. Deu-me a impressão que ela ficava procurando as anotações para poder responder as perguntas, dava voltas e voltas para responder, até gaguejou... fez-me rir. Em matéria de oratória é péssima. Como vai conseguir governar sem as idéias concanetadas na cachola? Não pensei que ela se sairia tão mal assim. Achei que ela estava mais bem preparada para o debate. Ficou se apoiando na muleta do atual governo, falando dados inexatos. Triste saber que temos uma candidata neste nível.

Vamos esperar os próximos debates para ver se esquenta mais, achei muito morno.

A partir de agora, o perfil da campanha tende a mudar, e esta vantagem nas pesquisas vai cair, voltando ao patamar correto, ou seja Serra disparando na frente e Dilma (égua paraguaia) despencando pela tabela. A rapadura é doce mais não é mole, como diz o ditado.
Atenção esquerdopatas, petistas e simpatizantes de plantão: A derrocada começou. Para o bem do Brasil, “SERRA PRESIDENTE”.

Abração.

Nenhum comentário: